Escrito por Terça, 28 Março 2017 Publicado em Editais e Resultados

A Universidade Regional do Cariri – URCA lançou edital para o vestibular 2017.2. As inscrições serão recebidas a partir das 8h do dia 30 de março até as 23h59 do dia 18 de abril, exclusivamente pela internet, através do site cev.urca.br/vestibular. O processo seletivo é destinado a selecionar candidatos aos cursos de graduação da URCA com funcionamento nos municípios de Campos Sales, Crato, Iguatu, Juazeiro do Norte e Missão Velha, todos no Ceará. A taxa de inscrição é de R$ 130,00 (integral), e R$ 65,00 (parcial). O boleto bancário referente à taxa de inscrição pode ser pago até 19 de abril de 2017. As provas serão aplicadas nos dias 24 e 25 de junho (sábado e domingo), das 13h às 17h. A divulgação do resultado dos classificados e classificáveis será no dia 21 de julho de 2017, bem como o sistema de consulta de nota individual.

Obras literárias

Para o vestibular 2017.2, a comissão organizadora divulgou nova relação de livros: A CIDADE E AS SERRAS (Eça de Queiroz); FERROLHO DE ABISMO (Geraldo Urano); BIG JATO (Xico Sá); OS PAPÉIS DO INGLÊS (Ruy Duarte de Carvalho); BOM CRIOULO (Adolfo Caminha); ROMANCEIRO DA INCONFIDÊNCIA (Cecília Meireles); TRISTE FIM DE POLICARPO QUARESMA (Lima Barreto); SONETOS (Luís de Camões). Em breve publicaremos aqui análise e resumo das obras indicadas.

Escrito por Quinta, 09 Março 2017 Publicado em Notícias

O Ministério da Educação e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) anunciaram, na manhã desta quinta-feira, 9, em coletiva de imprensa, as mudanças previstas para a realização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017. As medidas são resultado do amplo debate do MEC com a sociedade, por meio da consulta pública promovida pelo Inep no começo deste ano

Confira as mudanças:

Escrito por Sexta, 03 Março 2017 Publicado em Notícias

A Universidade Regional do Cariri (URCA) publicou edital para contratação de 50 professores Substituto mais 51 para Temporário, totalizando 101 vagas. As inscrições seguem até o dia 15 de março com taxa de participação de R$ 120,00. Os candidatos serão submetidos a duas etapas: prova escrita e prova didática, ambas de caráter eliminatório e classificatório. O prazo de validade do processo seletivo será de 12 meses, podendo ser prorrogável apenas uma vez por igual período. 

Edital e inscrição online

Confira as vagas:

Escrito por Sexta, 03 Março 2017 Publicado em Notícias

Os estudantes que se inscreveram no processo seletivo do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) deste semestre devem ficar atentos: o prazo de pré-seleção da lista de espera, que se encerraria nesta sexta-feira, 3, foi prorrogado para o dia 17 de março. O objetivo é ampliar as oportunidades de financiamento para os alunos. As alterações foram publicadas no Edital nº 13, do Diário Oficial da União desta sexta-feira. Os candidatos devem seguir consultando a página eletrônica do programa para verificar se aparecem entre os pré-selecionados. Quem estiver na lista deve acessar o Sistema Informatizado do Fies (SisFies) e efetivar a inscrição no prazo de cinco dias úteis, a contar da divulgação do resultado no sistema.

Após concluir o procedimento no sistema, o candidato deverá validar as informações prestadas na inscrição na Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA) da instituição de educação superior em até 10 dias. Em seguida, o estudante e, se for o caso, seus fiadores deverão comparecer a um agente financeiro do Fies em mais 10 dias, contados a partir do terceiro dia útil imediatamente subsequente à data da validação pela CPSA, para formalizar a contratação do financiamento. No ato da inscrição no SisFies, o estudante escolhe a instituição bancária, assim como a agência de sua preferência, sendo o Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal os atuais agentes financeiros do programa.

Escrito por Sexta, 10 Fevereiro 2017 Publicado em Notícias


Aprovado no último dia (8) pelo Senado, o texto da reforma do ensino médio segue para sanção do presidente Michel Temer. A medida provisória manteve todos os eixos do texto final aprovado pela Câmara. Saiba como ficou a proposta de reforma do ensino médio:
O que é a reforma do ensino médio?
É um conjunto de novas diretrizes para o ensino médio implementadas via medida provisória e apresentadas pelo governo federal em 22 de setembro de 2016. Para não perder a validade, o texto precisava ser aprovado em até 120 dias (4 meses) pelo Congresso Nacional.
Quando a reforma começa a valer?

Escrito por Terça, 31 Janeiro 2017 Publicado em Notícias

Eleita palavra do ano pelo dicionário "Oxford", a pós-verdade definiu 2016. Isso porque atualmente os fatos importam menos do que aquilo em que as pessoas escolhem acreditar --ou seja, são tempos em que a verdade foi substituída pela opinião. O dicionário britânico é uma das referências mais importantes do mundo para a catalogação de novas palavras e expressões.

Segundo a entidade, o termo é um adjetivo "que se relaciona ou denota circunstâncias nas quais fatos objetivos têm menos influência em moldar a opinião pública do que apelos à emoção e a crenças pessoais". "'Pós-verdade' deixou de ser um termo periférico para se tornar central no comentário político, agora frequentemente usado por grandes publicações sem a necessidade de esclarecimento ou definição em suas manchetes", justifica a entidade. O uso da palavra pela imprensa mundial em 2016 cresceu 2.000% em relação ao ano anterior, principalmente na cobertura de fatos políticos.

Eugenio Bucci, jornalista e professor da Escola de Comunicação e Artes da USP (Universidade de São Paulo), avalia que, na era da pós-verdade, o eleitor toma cada vez mais decisões baseadas em sentimentos, crenças e ideologias. "A ideia contida aí é relativamente simples: a política teria rompido definitivamente com a verdade factual e passa a se valer de outros recursos para amalgamar os seguidores de suas correntes. É como se a política tivesse sucumbido ao discurso do tipo religioso e se conformado com isso."

Já o filósofo Renato Janine Ribeiro afirma que 2016 será lembrado como o ano em que a mentira ganhou força, a ponto de influenciar as eleições. Para ele, o período foi marcado por vários acontecimentos que refletiram a pós-verdade, sendo os principais a eleição de Donald Trump como presidente dos Estados Unidos e o Brexit, referendo que decidiu pela saída do Reino Unido da União Europeia. "A campanha de Donald Trump foi o maior exemplo de pós-verdade, com desdenho total pela veracidade dos fatos mencionados. A campanha do Brexit também foi assim. Podemos dizer que outro exemplo foi a vitória do 'não' no referendo colombiano sobre o acordo de paz com as Farc, que poderia encerrar uma guerra de mais de 50 anos", diz o filósofo.

Durante a corrida eleitoral, o republicano Trump afirmou que Hillary Clinton criou o Estado Islâmico, que Barack Obama era muçulmano, que o desemprego nos EUA chegava a 42% e que o papa Francisco apoiava sua candidatura. Nenhuma dessas informações é verdadeira. Não importou. Muitas outras foram usadas sistematicamente para ganhar apoio e atingir a imagem de adversários. 

Calendário

« Março 2017 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31    

Sobre o Autor

  • José Roberto Duarte, iguatuense, professor do ensino básico, formado em Letras pela Universidade Estadual do…

Parceiros