Sexta, 10 Julho 2009 20:33

Deflação

Escrito por
Inflação oficial desacelera e fecha o semestre em 2,57%, segundo o IBGE
O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo, utilizado para balizar as metas de inflação do governo, fechou o primeiro semestre do ano em 2,57%, taxa inferior aos 3,64% relativos a igual período de 2008. O índice também desacelerou na comparação mês a mês. O IPCA de junho apresentou variação de 0,36%, abaixo da taxa de 0,47% registrada em maio.
Sexta, 10 Julho 2009 20:27

Arrecadação

Escrito por
Carga tributária sobe para 35,8% do PIB e bate recorde em 2008
A carga tributária brasileira bateu novo recorde em 2008 e chegou a 35,8% do PIB, segundo números divulgados hoje pela Receita Federal. Em 2007, a porcentagem era de 34,72%. O dado compara a arrecadação tributária do ano passado (R$ 1,034 bilhão) com a soma de todas as riquezas produzidas no país no mesmo período (R$ 2,889 trilhões). No ano passado, a arrecadação avançou 8,3%, enquanto a economia cresceu 5,1%, descontada a inflação.
Sexta, 10 Julho 2009 19:33

Auditoria

Escrito por
Senado anuncia corte de 29 diretorias e redução de 40% nos gastos
O primeiro-secretário do Senado, Heráclito Fortes, anunciou hoje que a Casa vai reduzir as atuais 38 diretorias a apenas nove departamentos. Seguindo orientações da auditoria realizada pela Fundação Getulio Vargas, o Senado vai enxugar os gastos em até 40%. As medidas devem ser implementadas em 20 dias.
Sexta, 10 Julho 2009 18:05

Em Várzea Alegre

Escrito por

Eunício e Cid Gomes juntos em inauguração de obras
O deputado Eunício Oliveira e o Governador Cid Gomes estarão nesta quinta-feira (9) no município de Várzea Alegre acompanhando a inauguração da primeira etapa da obra de urbanização da Lagoa de São Raimundo Nonato.
A obra, ao custo de R$ 2.561.702,28, com contrapartida do município no valor de R$ 561.702,28, foi assinada pelo Governador, e também contou com verbas federais através de emendas do deputado Eunício Oliveira.
De acordo com o parlamentar a obra é resultado do grande esforço do prefeito Zé Helder que procura sempre levar a população Várzea Alegrense projetos de reestruturação urbana visando o bem estar de cada cidadão. “Além da preservação ambiental do local, a cidade também passa a oferecer a sociedade mais um local de visitação turística e lazer. Várzea Alegre vive uma nova fase de desenvolvimento implantando um projeto político que me orgulho de fazer parte”, concluiu o deputado.
Ao lado do prefeito Zé Helder (PMDB), das lideranças políticas da região, e de grande parte da população, Eunício e Cid Gomes também devem acompanhar as obras de saneamento básico complementar da cidade que também contam com recursos federais captados através do deputado Eunício Oliveira.
A solenidade será no Parque Cívico de São Raimundo Nonato com programação inicial para às 20 horas e expectativa de grande festa por parte do público local.
Sexta, 10 Julho 2009 17:59

Consumo sustentável

Escrito por
Idec - Instituto de Defesa do Consumidor dá dicas de como economizar nas contas de água e luz
Mais do que diminuir o impacto da crise econômica no bolso, o consumo consciente evita o desperdício e a escassez cada vez maior dos recursos naturais
Medidas simples adotadas no dia a dia podem ser úteis na hora de diminuir custos e, consequentemente, o impacto da crise econômica no bolso. Mais do economizar nas contas de água, energia e telefone, adotar o consumo consciente colabora também para evitar o desperdício em uma época em que os recursos naturais se tornam cada vez mais escassos. Veja algumas dicas do Idec para economizar abaixo.
A falta de água em algumas regiões vem motivando o uso consciente desse recurso, através do reuso e aproveitamento da água da chuva. Há ainda sistemas de tratamento biológico e químico sendo adotados. Evitar o desperdício também é uma maneira de contribuir para que a ONU (Organização das Nações Unidas) atinja uma de suas Metas do Milênio: reduzir o número de pessoas sem água e sem saneamento à metade até 2015.
Em relação à energia elétrica, a crise de 2001 trouxe algumas mudanças de comportamento que provocaram diminuição significativa no consumo. É o caso da utilização de lâmpadas fluorescentes, que acabaram incorporadas. Os mecanismos de controle de qualidade, como o selo Procel também ganharam maior eficácia.
O mesmo ocorreu com a comida. Alternativas para distribuir alimentos que sobram estão sendo adotadas e, aos poucos, os consumidores vão percebendo que consumir cascas, folhas e talos não significa comer restos. Muito pelo contrário, eles podem ser grandes aliados da boa nutrição. As folhas de beterraba, por exemplo, são ricas em vitamina C, cálcio e fósforo. Já as de cenoura são fontes de flavonóides e ferro.
Como economizar nas contas de água e energia
Água
* Utilize aeradores (peneirinhas acopladas na saída de água) nas torneiras.
* Reduza o tempo no banho. Cinco minutos são suficientes! O consumidor pode economizar ainda mais se fechar o registro para se ensaboar.
* Reaproveitamento de água: a água do banho ou da máquina de lavar roupa também pode ser reaproveitada para lavar quintais.
* Feche a torneira ao escovar os dentes, fazer a barba e ao ensaboar a louça.
* Adote descarga de caixa acoplada no vaso sanitário (todas fabricadas a partir de 2001 utilizam 6 litros de água). O vaso sanitário com a válvula e tempo de acionamento de 6 segundos gasta cerca de 15 litros. Quando a válvula está defeituosa, pode chegar a gastar até 30 litros.
* Conserte os vazamentos de água assim que eles forem notados.
* Só ligue a máquina de lavar louça ou a máquina de lavar roupa quando ela estiver cheia.
* Use um regador para molhar as plantas ao invés de utilizar a mangueira.
* No verão, a rega deve ser feita de manhãzinha ou à noite, o que reduz a perda por evaporação.
* No inverno, a rega pode ser feita dia sim, dia não, pela manhã.
* Adote o hábito de usar a vassoura, e não a mangueira, para limpar a calçada e o quintal da sua casa. A mangueira ligada por 15 minutos gasta cerca de 280 litros de água.
* Lave o carro com balde e um pano ao invés de uma mangueira. Se possível, não lave o carro durante a estiagem (época do ano em que chove menos).
Energia
* É possível reduzir o consumo de energia desde o planejamento da construção de um imóvel, aproveitando ao máximo a iluminação natural. Abra janelas, cortinas e persianas durante o dia.
* Planeje a organização dos ambientes, como a disposição dos móveis, pois isso também ajuda.
* Troque as lâmpadas incandescentes por lâmpadas fluorescentes compactas, pois a economia de eletricidade proporcionada por ela pode chegar a 80%. A quantidade de acionamentos da lâmpada fluorescente compromete seu tempo de vida. Prefira-as para a cozinha, área de serviço, garagem e qualquer outro espaço em que as lâmpadas permaneçam acesas por mais tempo.
* Adote dispositivos de detecção de presença para lâmpadas em áreas externas, por exemplo.
* Ao sair do ambiente, sempre apague as luzes.
* Use cores claras no teto e nas paredes internas. Elas refletem melhor a luz e deixam o ambiente mais claro.
* Mantenha luminárias, globos e arandelas sempre limpos.
* Diante da falta de opções de descarte, ao jogar uma lâmpada velha no lixo comum, enrole-a com papel ou coloque-a de volta na embalagem original, para evitar que se quebre. Se puder, organize um grupo de vizinhos para o descarte coletivo nas empresas especializadas, que costumam cobrar caro pelo serviço. Quanto maior a quantidade de lâmpadas, mais acessível é o descarte correto.
* Para consultar se a marca que você utiliza tem o selo do Inmetro, acesse a página do órgão (www.inmetro.gov.br); no menu lateral à direita, clique em "Tabelas de eficiência energética". Cheque as empresas importadoras nas tabelas 13 e 14. Denúncias de lâmpadas não certificadas podem ser feitas na Ouvidoria do Inmetro, pelo telefone 0800-285-1818.
* Avalie a possibilidade de adotar o aquecimento solar de água. A substituição dos chuveiros elétricos por aquecimento solar possibilitaria a diminuição de 30 a 50% da conta de energia do consumidor residencial.
* Evite equipamentos ligados quando não necessário. Desligue os equipamentos da tomada, ao invés de desligar apenas no comando, se você ficará períodos longos sem utiliza-los. Os aparelhos em modo stand-by continuam consumindo energia.
* Antes de comprar um novo equipamento, verifique a etiqueta de consumo de energia e o selo do PROCEL e escolha aquele que consome menos energia.
* Não ligue a televisão só para servir de companhia, nem adormeça com ela ligada. Programe para que se desligue sozinha.
* Verifique as borrachas de vedação da geladeira e do forno - coloque uma folha de papel entre a borracha e a porta: se a folha ficar solta, a porta não está fechando de forma eficiente.
* Programe as definições do seu computador para ele se desligar automaticamente (hibernar) após um tempo sem ser utilizado.
Sexta, 10 Julho 2009 17:45

Eleições 2010

Escrito por
Reforma eleitoral libera uso da Internet nas campanhas
A aprovação do projeto de reforma da lei eleitoral (PL 5498/09), pelo plenário da Câmara nesta quarta-feira (8), traz diversas alterações em dispositivos da Lei dos Partidos Políticos (9.096/95) e da Lei das Eleições (9.504/97), além de regulamentar resoluções da Justiça Eleitoral. Caso seja aprovado pelo Senado Federal e sancionado pelo presidente da República até setembro, passam a valer as seguintes regras já para as eleições de 2010:
Internet
Fica autorizado o uso da Internet nas campanhas eleitorais, inclusive com o uso de emails, blogs, twitter, orkut e demais ferramentas. Fica proibido o envio de mensagens em massa e é vedada também a veiculação de qualquer tipo de propaganda eleitoral paga nos sites. A multa para quem infringir a lei poderá variar de R$ 5 mil a R$ 30 mil.
Mulheres
Haverá uma reserva de 5% do fundo partidário para promoção de atividades de incentivo à participação política feminina e de 10% do tempo dos partidos no rádio e TV para as mulheres. Atualmente não existe percentual. Se o partido não destinar o percentual para essa finalidade, no ano seguinte terá que acrescentar mais 2,5% do fundo partidário como sanção pelo não cumprimento da lei.
Doações
Os candidatos também poderão captar doações pela rede de computadores, mas só poderão fazer doações pela Internet as pessoas físicas que serão identificadas pelo CPF. Os candidatos poderão, imediatamente após as convenções partidárias, arrecadar recursos e realizar atos referentes à estruturação da campanha. Os partidos receberiam os números do CNPJ com antecedência para distribuir entre os candidatos.
Propaganda eleitoral
Fica permitida a participação do pré-candidato em entrevistas jornalísticas, realizar reuniões em recintos fechados e prévias partidárias. Fica permitida a colocação de bonecos, cartazes, cavaletes móveis em vias públicas, desde que não dificultem o bom andamento do trânsito de veículos e pessoas. Fica vedada a utilização de trios elétricos, mas será permitido o uso de carros de som para divulgação de mensagens de candidatos. São definidos os conceitos de montagem e trucagem para um maior controle contra campanha “suja” na TV. Será permitida a transmissão de debates no rádio e na TV sempre que houver concordância de dois terços dos partidos que possuem candidatos majoritários na circunscrição.
Utilização de outdoors e aluguel de muros
Permanece a proibição do uso de outdoors e de muros para as campanhas dos candidatos.
Voto impresso
A proposta institui o voto impresso para conferência com o voto da urna eletrônica, a ser feita por meio de amostragem de 2% das urnas.
Foto
Será exigido do eleitor a apresentação de documento com foto na sessão de votação com o objetivo de evitar fraudes.
Gastos
Será de 50% o limite de gastos com pessoal com o uso de recursos do fundo partidário.
 
Agência Informes (www.ptnacamara.org.br)

Calendário

« Agosto 2018 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31    

Sobre o Autor

  • José Roberto Duarte, iguatuense, professor do ensino básico, formado em Letras pela Universidade Estadual do…

Parceiros