Sexta, 03 Julho 2015 13:35

ENTREVISTA: Dr. Paulo de Tarso Bezerra, novo presidente do Rotary Club de Iguatu Destaque

Escrito por
Avalie este item
(3 votos)

O Rotary Club de Iguatu empossou sua nova diretoria, que assume o ano 2015-2016, tendo à frente dos trabalhos o médico Paulo de Tarso Bezerra e sua dama rotária Vanessa Bezerra. A posse aconteceu na noite do último sábado, na sede do club, contando com a presença de autoridades locais, convidados e familiares dos 13 novos rotarianos. Confira abaixo entrevista com o novo presidente Dr. Paulo de Tarso Bezerra.

A Praça: O que significa estar à frente dos trabalhos durante esta nova gestão?

Paulo de Tarso: Para mim, é extremamente gratificante chegar a presidência do Rotary Club que me acolheu, tantos anos atrás. Entrei como sócio-representativo desse club há quase 20 anos, quando o grande rotariano Marcone Sampaio era o presidente. Fui convidado e apadrinhado pelo Valdeci Ferreira, outro rotariano de grande envergadura. Foi aqui nesse club de Rotary que eu aprendi os preceitos universais que regem os pilares que sustentam essa instituição que é o Rotary Club Internacional. Ser sócio de um Rotary Club, seja em Iguatu, ou em Bangladesh, nos faz iguais no meio da nossa organização. Ser um presidente de Rotary é um desejo de todos que aqui ingressaram e permanecem em suas fileiras.

 

A Praça: Como o senhor avalia a presença de clubes de Rotary no interior do estado? É um número satisfatório?

Paulo de Tarso: Para quem é rotariano, sempre há uma cidade, um lugar, um bairro, onde se pode abrir um novo club de Rotary. Há muitos clubs de Rotary no nosso interior. Porém, poderíamos ter muitos outros mais. O Rotary foi fundado em 1905, pelo advogado norte-americano Paul Harris, como uma associação que pudesse reunir e congregar pessoas líderes em seus segmentos de atuação, na sociedade em que habitavam. Naqueles dias, quatro pessoas de diferentes ocupações, que hoje chamamos de classificações, passaram a se reunir periodicamente, preferencialmente em horário de refeições (já que eram todos bastante ocupados), com o fim de fomentar melhores relacionamentos pessoais, a ética e o companheirismo. Da mesma forma como aconteceu em Chicago, nos Estados Unidos, esse modelo de organização local de clubs foi replicado mundo afora, chegando ao Brasil e ao Ceará anos depois. Em Rotary, não importa se somos membros de um club na Europa, na África ou no sertão nordestino. Nossa importância, nossa empolgação serão sempre as mesmas.

A Praça: Os novos e veteranos rotarianos podem esperar o que da sua gestão?

Paulo de Tarso: O nosso Rotary Club de Iguatu foi fundado em 23 de maio de 1953. Nesses mais de 60 anos, fomos protagonistas de grandes ações rotárias no seio da nossa cidade. Desenvolvemos muitas ações de ajuda a flagelados nas grandes secas que atravessamos, ajudamos em distribuição de filtros e água potável nas situações de emergência, distribuímos alimentos, realizamos campanhas de saúde pública, entre outras ações. Os membros de Rotary trabalham em equipe, em grupo, o seu presidente é apenas o capitão, o timoneiro. Será um ano rotário pautado pelo serviço às instituições e pessoas mais carentes, mais necessitadas. Meus companheiros, novos ou mais antigos, podem esperar de mim muito empenho e disponibilidade para liderar um club que está renovado, pronto para ações sociais importantes, até o dia 30 de junho de 2016.

A Praça: O trabalho coletivo é importante também no Rotary Club?

Paulo de Tarso: Como eu disse acima, o conjunto dos rotarianos é quem faz a força de um club. Se o club tem um líder dedicado, empolgado, interessado em prestar serviços, todos os componentes irão acompanhá-lo. Ao fim e ao cabo, o trabalho, o mérito, a honra, serão de todo o club e não só do seu líder.

A Praça: Como o senhor planeja chegar às comunidades mais carentes?

Paulo de Tarso: O nosso plano é focar em uma instituição que está entre as mais carentes do nosso município, que é a Creche São José. Essa creche atende a 30 crianças entre 3 e 6 anos, mas faltam condições mínimas de manutenção mensal. Queremos chegar a essa primeira infância e proporcionar alimentação de qualidade, repouso, educação e segurança. A nossa intenção é apoiar e auxiliar na manutenção da creche aberta, hoje muito bem conduzida pelas irmãs que moram naquela casa. Ademais, seremos um líder inquieto para esse club, sempre apresentando ações que visem melhorar e assistir a vida das pessoas ditas invisíveis da nossa sociedade. Há muito, muito mesmo a se fazer.

A Praça: Que campanhas já estão sendo implantadas pela sua gestão?

Paulo de Tarso: Nossa primeira Ação Rotária ocorre na noite de hoje, na posse do nosso Conselho Diretor. Esperamos arrecadar cerca de 200 pacotes de fraldas geriátricas descartáveis. Durante as duas últimas semanas, divulgamos nas principais emissoras de rádio da cidade um chamamento para que famílias interessadas se cadastrassem para receber essas doações. Queremos entregar a esses idosos carentes não somente fraldas, mas dignidade. Queremos proporcionar a essas famílias o mínimo acesso à higiene, à saúde, ao bem-estar. Temos já encaminhadas ideias para educação, valorização de melhores alunos, bolsas de estudo. E temos a necessidade de iniciar brevemente nosso trabalho na creche.

A Praça: O nível de credibilidade da instituição pode melhorar em nossa cidade? Como?

Paulo de Tarso: Credibilidade se conquista. O Rotary Club de Iguatu já conquistou essa credibilidade. Porém, há novas gerações que cresceram aqui e ainda não sabem o que faz um Rotary, o que fez e pode fazer o nosso Rotary. Vamos nos voltar para essas novas gerações, vamos inovar e convidá-los a ingressar nas nossas fileiras, Vamos construir um novo momento para esse club.

 

Perfil: Paulo de Tarso Bezerra, 44, é médico. Ingressou em Rotary Club em 1985 e assume, pela primeira vez, a presidência do club. Já participou de diversos encontros, conferências e interclubs de Rotary e é um grande apoiador de ações beneficentes e de companheirismo. É companheiro Paul Harris, tendo contribuído com doação financeira a Fundação Rotária, de Rotary Internacional.

Iury Sarmento

Ler 1636 vezes Última modificação em Sexta, 03 Julho 2015 13:44
José Roberto Duarte

José Roberto Duarte, iguatuense, professor do ensino básico, formado em Letras pela Universidade Estadual do Ceará.
Além da atuação educacional, é também colunista e diretor de redação do Jornal A Praça de Iguatu, e comentarista esportivo da Mais FM 106,1.

1 Comentário

  • Link do comentário Paulo de Tarso Bezerra Sexta, 03 Julho 2015 14:22 postado por Paulo de Tarso Bezerra

    Muito obrigado, professor.
    O Rotary é uma instituição séria e é responsável pelo financiamento da vacina que erradica a poliomielite no mundo.
    Na nossa cidade, estamos prestando serviços há mais de 60 anos.
    Há muito ainda a fazer.
    Porém, estamos prontos.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Calendário

« Junho 2018 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30  

Sobre o Autor

  • José Roberto Duarte, iguatuense, professor do ensino básico, formado em Letras pela Universidade Estadual do…