Sábado, 14 Outubro 2017 00:26

(In) segurança pública Destaque

Escrito por
Avalie este item
(3 votos)

Medo, espanto, pavor, indignação... Iguatuenses cada vez mais intimidados por ações do crime organizado que silenciosamente se instalou na cidade e agora ameaça a paz e a tranquilidade com ações de violência na disputa pelo poder paralelo, principalmente tráfico de drogas. Antes reclusos ao anonimato e às escuras, agora os soldados das quadrilhas e facções criminosas agem em qualquer lugar e hora do dia. Intimidam, principalmente, cidadãos e cidadãs, que diante da ineficiência das forças de segurança pública, sentem-se ameaçados até para ir ao trabalho. Como a situação chegou a tal ponto? Cadê a inteligência policial que não percebeu o recrutamento e o fortalecimento de grupos de bandidos que ora sitiam a cidade? As polícias devem agir com o rigor da lei, identificar os chefões, desarticular as quadrilhas para devolver as ruas a quem é honesto, íntegro e não se envolve com o crime. A justiça tem que punir com efeito os transgressores. A sociedade precisa se organizar nas igrejas, sindicatos, associações, clubes de serviço e cobrar apoio e investimentos dos governantes. É hora de dar um basta nessa violência toda!

Ler 392 vezes
José Roberto Duarte

José Roberto Duarte, iguatuense, professor do ensino básico, formado em Letras pela Universidade Estadual do Ceará.
Além da atuação educacional, é também colunista e diretor de redação do Jornal A Praça de Iguatu, e comentarista esportivo da Mais FM 106,1.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Calendário

« Outubro 2018 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31        

Sobre o Autor

  • José Roberto Duarte, iguatuense, professor do ensino básico, formado em Letras pela Universidade Estadual do…